Quem foi santa Brígida: padroeira da Irlanda é celebrada com feriado em fevereiro

Quem foi santa Brígida: padroeira da Irlanda é celebrada com feriado em fevereiro

Rubinho Vitti

1 mês atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

St. Brigid of Kildare, Santa Brígida de Kildare, é considerada a padroeira da Irlanda (“mother saint”), assim como São Patrício. O dia primeiro de fevereiro celebra oficialmente a santidade e, desde 2023, um feriado também comemora a história da importante figura feminina para o país.

O feriado de St. Brigid será sempre na primeira segunda-feira de fevereiro. Em 2024, o “bank holiday”, como é chamado no país, será no dia 5.

Mas quem foi Santa Brígida e por que ela é considerada padroeira da Irlanda?

Neste artigo, vamos falar mais sobre ela e entender sua história por trás da data.

Quem foi St. Brigid (Santa Brígida)?

Santa Brígida é padroeira da Irlanda ao lado de São Patrício e São Columbano. Imagem: Reprodução

Assim como São Patrício, não há de fato provas se Santa Brígida de fato existiu. Afinal, são poucos os fatos históricos que mostram evidências disso. Sua história, porém, faz parte do folclore pagão irlandês há séculos.

De acordo com a cultura celta, existia uma deusa de mesmo nome, Brigid. Santa Brígida seria, portanto, uma forma de cristianizar a figura feminina gaélica que era associada à cura e proteção. Tanto que, 1º de fevereiro, data de celebração à St. Brigid, é o mesmo dia do tradicional festival gaélico Imbolc, que dá início à primavera do calendário celta.

No entanto, existe uma linha histórica que defende a existência de Santa Brígida como uma druída, uma alta classe da sociedade celta, e responsável por transformar e converter o templo pagão da deusa Brigid em mosteiro cristão, recebendo, assim, seu nome.

St. Brigid teria nascido em 451 em Dundalk, na Irlanda, e teria morrido em 525. De acordo com estudiosos, a santa era filha de uma escrava cristã batizada por São Patrício e de um pai pagão, chefe de Leinster.

Os restos mortais de Santa Brígida estão em Downpatrick, no condado de Mayo, junto com os outros dois padroeiros da Irlanda, São Patrício e São Columbano.

Leia também: Quando começa a primavera na Irlanda?

Por que Brigid of Kildare?

Catedral em Kildare leva o nome de Santa Brígida. Imagem: Reprodução

Como já mencionado, Santa Brígida converteu o templo da deusa Brigid em mosteiro cristão, segundo a linha histórica de sua existência. Freira e discípula de São Patrício, ela teria fundado vários mosteiros, entre eles, o principal deles, em Kildare.

Hoje, a catedral de Kildare fica no local onde teria sido o mosteiro criado por Brígida.

Facilite suas compras e não pague taxas de transferência na Europa, cadastre-se no banco virtual Revolut

Padroeira da Irlanda e da cerveja

Profissionais como marinheiros e barqueiros são protegidos de St. Brigid. Imagem: Reprodução

Assim como São Patrício, Santa Brígida é padroeira da Irlanda, assim como também é St. Columcille (São Columbano). Em inglês, St. Brigid é considerada “mother saint” e também é protetora de diversas profissões como parteiras, ferreiros, leiteiras, barqueiros, criadores de galinhas e gado, estudiosos, marinheiros, além das freiras irlandesas, dos recém-nascidos e fugitivos.

Outra curiosidade é que Santa Brígida era uma boa bebedora de cerveja e muitos de seus milagres estão associados à bebida. Mas calma! A cerveja era considerada uma bebida mais nutritiva e melhor opção do que tomar água.

Se Jesus transformou a água em vinho, Brígida operou o mesmo milagre, mas com a cerveja, transformando H2O na bebida de cevada a um grupo de leprosos.

Uma dica essencial para quem quer morar na Irlanda é fazer a tradução do diploma e histórico escolar, além de outros documentos importantes! Precisa de uma tradução? Faça ela online por aqui!

Os símbolos e rituais de Santa Brígida

Cruz de Santa Brígida deve ser queimada todo dia 1º de fevereiro. Imagem: Reprodução

É só andar pelo centro de Dublin, nas lojinhas de presentes referentes à Irlanda, para encontrar símbolos do país como a cruz e o nó celta, o trevo de quatro folhas e objetos referentes à St. Patrick como terços e santinhos.

No entanto, há símbolos que remetem à Santa Brígida. O mais famoso deles é a St. Brigid Cross. Muito mais que um presente, a cruz é um ritual. Elas são feitas de juncos que são dobrados até formar uma cruz.

De acordo com a tradição, essa cruz deve ser pendurada em casa no dia 1º de fevereiro como forma de proteção. Após um ano, uma nova cruz deve ser feita e a antiga deve ser queimada.

A cruz também pode ser encontrada em forma de pingentes, brincos, anéis, estampas e enfeites para casa.

Próximos passos para o seu intercâmbio na Irlanda

Agora que você já sabe mais sobre a Irlanda, vem com a gente entender como fazer um intercâmbio no país. Temos um guia especial sobre intercâmbio na Irlanda aqui no nosso site.

E se você precisa de ajuda para encontrar uma agência de intercâmbios, temos o Orçamento Fácil, uma ferramenta que te ajuda a entrar em contato com diversas agências com um só clique.

O edublin também tem várias opções de ebooks sobre faculdade e intercâmbio na Irlanda, cidadania europeia, cursos sobre trabalho e carreira no exterior, pra quem prefere um conteúdo resumido e compilado em um único material.

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?


Avatar photo
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email