Custo de vida em Madrid: entenda valores para viver na cidade

Custo de vida em Madrid: entenda valores para viver na cidade

Ana Carolina Brunelli

8 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Saber o custo de vida em Madrid é o primeiro passo para quem quer morar na cidade.

Assim como em qualquer outro lugar do mundo, há custos que precisam ser considerados e que, na maioria das vezes, tornam-se um verdadeiro divisor de águas para quem está em dúvida sobre se mudar ou não para a capital da Espanha.

E não é à toa que Madrid é uma das cidades europeias mais procuradas por brasileiros que desejam aprender espanhol e viver em um lugar cheio de cultura e história no Velho Continente.

Viver na capital significa estar bem perto de excelentes universidades, a apenas alguns passos de importantíssimos museus e poder aproveitar o melhor da gastronomia espanhola e da vida noturna.

Porém, é preciso ter em mente que, apesar de literalmente ser um sonho viver em Madrid, tudo tem o seu preço.

E nesse caso, o preço não é barato, principalmente para quem está juntando dinheiro no Brasil para ir para lá.

Leia também: Intercâmbio na Espanha: guia sobre estudo, trabalho e vistos para brasileiros

Qual é o custo de vida em Madrid?

custo de vida em Madrid

É preciso entender que o custo de vida em Madrid é um dos mais altos da Espanha. Crédito: Dreamstime

O custo de vida mensal em Madrid pode chegar a uma média de 1.300 a 1.500 euros para uma pessoa que vive sozinha em um apartamento no centro da cidade.

Vale ter em mente que o custo de vida em Madrid é um dos mais caros quando comparado a outras cidades da Espanha. E viver no centro ou em bairros mais afastados faz uma diferença enorme.

Mas calma! Vamos explicar direitinho essa média.

Abaixo, você poderá conferir alguns preços em relação a moradia, alimentação, transporte, lazer, etc., e assim será mais fácil colocar na balança todos os prós e contras, levando em consideração seus planos, objetivos e orçamento disponível.

Baseado no Numbeo, site que faz uma estimativa de gastos das principais cidades do mundo, veja uma média de valores do custo de vida em Madrid.

Custo do aluguel em Madrid

Como na maior parte das capitais da Europa, o aluguel é o que mais assusta os brasileiros que buscam informações sobre o custo de vida em Madrid.

E não é para menos! Um aluguel na cidade sai por um valor bem salgado, especialmente se o imóvel escolhido estiver localizado no centro.

Isso porque o aluguel em bairros mais centrais ou próximos de atrações turísticas sempre são bem mais caros do que para quem aceita morar em regiões mais afastadas.

Olha só uma média de custos:

  • Apartamento (1 quarto) no centro da cidade 879€
  • Apartamento (1 quarto) fora do centro 650€
  • Apartamento (3 quartos) no centro 1.550€
  • Apartamento (3 quartos) fora do centro 1.050€

Para facilitar a sua busca pelo custo de vida em Madrid relacionado à moradia, acesse alguns sites para ter uma noção ainda maior sobre os aluguéis na cidade:

Custo da alimentação em Madrid

Alimentação em Madrid não é cara se for feita em casa com compras em supermercados. Foto: ja ma / Unsplash

A alimentação é, certamente, uma das coisas mais baratas quando o assunto é o custo de vida em Madrid.

É claro que nem tudo é super acessível, mas é possível, sim, fazer compras mensais em um supermercado na cidade e não gastar rios de dinheiro.

Aliás, é possível comer bem, pagando relativamente pouco, principalmente quando comparado com os preços gastos em mercados do Brasil.

Veja abaixo alguns preços:

  • Pão Branco Fresco (500g) 1,06€
  • Leite (1 litro) 0,80€
  • Arroz branco (1kg) 1,07€
  • Ovos (1 dúzia) 1,99€
  • Queijo Regional (1kg) 9,67€
  • Frango (1kg) 6,66€
  • Carne vermelha (1kg) 10,83€
  • Garrafa de vinho (qualidade média) 5€
  • Cerveja local (garrafa pequena) 1€

Para quem deseja morar em Madrid, mas precisa encontrar maneiras de economizar, a dica sempre é cozinhar o máximo possível em casa. Isso significa uma média de gastos mínima de 30 euros semanais.

Comprar ingredientes frescos no mercado e fazer uma boa refeição é o melhor jeito de economizar muito dinheiro e, ainda, manter uma alimentação saudável.

Leia também: Empregos na Espanha: quais são as opções para brasileiros?

Custo de vida em Madrid: despesas de casa

custo de vida em Madrid

Aluguel e custos para manter a casa são os mais altos no custo de vida em Madrid. Foto: Florian Wehde / Unsplash

Em Madrid, os custos com aluguel geralmente não incluem as despesas com água e gás, por exemplo. Aliás, esses dois itens básicos costumam ser bem caros no país em geral.

Gastos básicos com eletricidade, aquecimento, água, lixo, para um apartamento de 85m² na capital, costumam custar, em média, 128€.

Fora isso, não dá para esquecer o valor da internet (60 Mbps ou mais, dados ilimitados, Cabo/ADSL), que custa, em média, 37,89€.

Por isso, é preciso inserir em uma planilha todos os possíveis gastos morando na capital, para entender se realmente vale a pena e se você está preparado para arcar com todas as despesas.

Transporte

Quem decide se mudar para a capital da Espanha, não pode deixar de incluir no custo de vida de Madrid os gastos com transporte.

Afinal, sem dúvida, será necessário se locomover para diferentes cantos da cidade, seja para trabalhar, seja para estudar ou, até mesmo, explorar as diferentes atrações.

Por isso, não deixe de incluir mais esse gasto na sua planilha!

  • Bilhete de ida (Transporte Local) 1,50€
  • Passe mensal (Preço normal) 55€

Apesar de não ser dos mais baratos, a sua eficiência justifica o preço. O transporte de Madrid é excelente e prova que não é preciso ter carro para viver bem na cidade.

Isso explica o motivo pelo qual a rede de metrô de Madrid é uma das melhores do mundo e por que tanta gente dispara elogios por aí sobre esse meio de transporte.

Leia também: Custo de vida na Espanha: valores básicos para viver no país

Lazer

Atrações gratuitas em Madrid são muitas e podem garantir lazer sem gastar muito. Crédito: Dreamstime

Agora vamos à parte de que todo mundo gosta: lazer na capital!

Um jantar para duas pessoas em um restaurante, incluindo aperitivos, prato principal, vinho e sobremesa, pode custar, em média, 50€.

Já em um ingresso para cinema você pode pagar até 9€. Agora, para aqueles que consideram a academia um momento de lazer, pode incluir na conta, aproximadamente, 38€ para uma pessoa por mês.

No entanto, em uma cidade como Madrid, é claro que existe a possibilidade de curtir muito, pagando quase nada.

A capital literalmente tem diversas atrações totalmente gratuitas e outras que, em determinados dias do mês ou da semana, abrem gratuitamente a todos.

Ou seja, não é preciso muito dinheiro para realmente conhecer os pontos turísticos de Madrid ou, até mesmo, para explorar aqueles cantinhos mais escondidos e charmosos dessa incrível cidade espanhola.

Custo de vida em Madrid: vale a pena viver na cidade?

De todos os itens citados acima, o aluguel é, disparado, o mais caro. Por isso, a dica é: se deseja realmente morar em Madrid, mas precisa poupar dinheiro para realizar esse sonho, então pesquise muito!

Nem sempre é fácil encontrar o lugar perfeito, com boa localização e excelente custo-benefício em poucos dias.

É fundamental ter paciência, persistência e pesquisar em todos os meios possíveis para encontrar um aluguel que caiba no seu bolso e que ajude a tornar a sua experiência na cidade ainda mais incrível.

Como viver em Madrid?

Saiba como fazer intercâmbio em Madrid. Foto: Jorge Fernández Salas/Unsplash

Se depois de ler essas informações sobre os custos de vida em Madrid você não tem dúvida de que realmente quer passar uma temporada por lá, então não espere mais tempo para tirar esse sonho do papel.

Solicite um orçamento de intercâmbio para Madrid aqui pelo E-Dublin e faça essa viagem acontecer!

Veja também

Melhores destinos de intercâmbio

Ana Carolina Brunelli, Formada em jornalismo pela UNIMEP. Criadora de conteúdo para redes sociais, com experiência em Diversidade & Inclusão. Esteve na Irlanda duas vezes e, desde a primeira vez no país, soube que Dublin era o seu lugar no mundo. Ama inspirar e incentivar as pessoas a viverem a incrível experiência de conhecer a Ilha Esmeralda.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar