Intercâmbio Cristão: a união da fé com a experiência de viver no exterior

Intercâmbio Cristão: a união da fé com a experiência de viver no exterior

Ana Carolina Brunelli

5 meses atrás

Quanto custa um intercâmbio?

Não vendemos pacotes e nem somos agência,
mas podemos te colocar em contato com elas.

Você sempre teve vontade de fazer um intercâmbio, mas, até hoje, não encontrou uma opção alinhada com as suas crenças religiosas? Bom, fique sabendo que, atualmente, existe a opção de realizar um intercâmbio cristão.

Isso mesmo! Uma experiência que une a vontade de viver por um período fora do Brasil, mas que, ao mesmo tempo, está completamente ligada à sua fé e religião.

O intercâmbio cristão, em geral, é voltado para praticantes da religião cristã e funciona de uma maneira um pouco diferente das outras modalidades de intercâmbio mais conhecidas. Esse tipo costuma ser uma boa oportunidade de estar ainda mais envolvido com a igreja, sendo possível, até, hospedar-se em casas de famílias cristãs, nativas do país escolhido.

Leia também: Intercâmbio: como fazer e quais são os principais destinos para brasileiros

Por que fazer intercâmbio cristão?

A própria igreja pode ser uma forma de enviar seus membros para outros países para realizar o intercâmbio cristão. Photo by Lampos Aritonang on Unsplash

Aliás, de certo modo, conviver com pessoas que compartilham os mesmos valores torna o processo de adaptação no exterior um pouco mais fácil, sem contar que um intercâmbio cristão também é uma grande chance de espalhar o bem, apoiando as causas da igreja e ajudando os mais necessitados.

Atualmente, é possível fazer intercâmbio cristão em diversos países, como Canadá, Austrália, Estados Unidos, África do Sul e Nova Zelândia. Porém, infelizmente, não são todas as agências que oferecem esse tipo de programa de intercâmbio. Na verdade, são poucas.

Contudo, além das agências, há a possibilidade de fazer a viagem pela própria igreja que você frequenta no Brasil. Para isso, claro, é preciso entrar em contato com as pessoas da sua congregação e descobrir se existe essa possibilidade.

Leia também: St. Patrick’s Cathedral: o verdadeiro cartão-postal de Dublin

Vantagens de fazer intercâmbio cristão

Intercâmbio cristão é uma forma de unir fé e religião. Foto: Lawrence Jing / Unsplash

  1. Quem escolhe fazer um intercâmbio cristão tem a oportunidade de fazer um networking global com cristãos de todo o mundo, uma vez que é possível estudar em uma escola ou, até mesmo, em uma universidade cristã.
  2. Quando alguém escolhe embarcar em um intercâmbio cristão, na maioria das vezes, chega ao novo destino sabendo quais são as igrejas mais próximas e, até mesmo, já sabe a quem deve recorrer para colocar os propósitos do intercâmbio em prática.
  3. Os propósitos de um intercâmbio cristão podem ser bastante amplos, por exemplo, foco em trabalhos missionários, para ajudar uma causa social específica ou foco em estudo cristão, mas conciliando com trabalho remunerado. Há diversas possibilidades, mas tudo vai depender da religião, da igreja e dos seus objetivos pessoais.
  4. Além das vantagens citadas, é preciso ressaltar a oportunidade de vivenciar uma cultura completamente nova e a oportunidade de explorar um novo lugar.

Leia também: Cruz celta: símbolo de arte, cultura e religiosidade

Experiência de quem fez intercâmbio cristão

A jornalista Alessandra Postali, de 26 anos, compartilhou sua experiência de um intercâmbio cristão realizado pouco antes da pandemia, que teve como foco o trabalho missionário e voluntário na Albânia.

Essa experiência aconteceu pela própria igreja, que enviou Alessandra, outros jovens, médicos e dentistas para a Albânia, com o objetivo de contribuir com as comunidades carentes e com a saúde da população local.

Nessa viagem, ela ficou responsável por toda a parte jornalística, como as entrevistas com as pessoas das comunidades, produção de vídeos e registro de fotos, fazendo literalmente a cobertura de toda a viagem.

“Foi incrível! Além de poder conhecer de perto a cultura de um país completamente diferente do Brasil, esse intercâmbio cristão me proporcionou uma conexão tanto com o lugar quanto com as pessoas, muito forte. Fui com o propósito de realmente ajudar e contribuir com as comunidades e voltei com a sensação de missão cumprida e também cheia de aprendizados”, contou Alessandra.

Albânia: destino para intercâmbio cristão

Albânia é um dos destinos possíveis para intercâmbio cristão. Foto: Alexander Michl on Unsplash

A jornalista ainda compartilhou que a Albânia é um lugar pouco conhecido, apesar de ser um país localizado na Europa, e que antes de descobrir que iria para lá, nunca havia pesquisado nada sobre o destino. Porém, Alessandra disse que a Albânia foi uma ótima surpresa e que poder estar lá sem ser a turismo, mas com uma missão, foi transformador.

“O fato de ter sido um intercâmbio cristão, sem foco em turismo, me fez ter acesso a pessoas e histórias que eu jamais teria conhecido se não fosse por esse caminho. Olhar uma realidade diferente da nossa e poder fazer algo para melhorar é muito bom. A primeira sensação é de que vamos até lá para ajudar, mas, na verdade, quando deixamos o lugar, somos nós que nos sentimos ajudados”, disse.

Leia também: Como visitar a cidade de Fátima em Portugal

Próximo passo para fazer um intercâmbio cristão

Agências de viagem têm pacotes exclusivos para intercâmbio cristão. Foto: Diana Vargas on Unsplash

Você já sabe qual é o propósito do seu intercâmbio? Quer viver essa experiência unindo a sua fé e religião? Então pesquise qual tipo de intercâmbio cristão está alinhado com os seus objetivos e vá viver essa experiência incrível!

As agências de viagem auxiliam o intercambista a encontrar o melhor destino para realizar o intercâmbio cristão. Não é necessário que ela seja especialista no tema, já que têm contato com várias instituições. Quer começar a pesquisar? Acesse o Orçamento Fácil edublin e receba as melhores propostas com agências parceiras.

Veja também

É possível fazer intercâmbio com criança na Irlanda?

Ana Carolina Brunelli, Formada em jornalismo pela UNIMEP. Criadora de conteúdo para redes sociais, com experiência em Diversidade & Inclusão. Esteve na Irlanda duas vezes e, desde a primeira vez no país, soube que Dublin era o seu lugar no mundo. Ama inspirar e incentivar as pessoas a viverem a incrível experiência de conhecer a Ilha Esmeralda.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar