Morar na Austrália: vistos, planejamento e cidades para viver em 2024

Morar na Austrália: vistos, planejamento e cidades para viver em 2024

Ana Carolina Brunelli

7 meses atrás

Quanto custa um intercâmbio?

Não vendemos pacotes e nem somos agência,
mas podemos te colocar em contato com elas.

Morar na Austrália é o sonho de muitos brasileiros que buscam na “terra dos cangurus” novas oportunidades de trabalho, de aprimorar o inglês e, claro, de ter mais qualidade de vida.

A Austrália tem mais de 25 milhões de habitantes e é considerado um dos países mais desenvolvidos do mundo. E isso é possível notar nas suas diferentes cidades, que estão cada vez mais crescendo e recebendo pessoas do mundo inteiro.

No entanto, antes de entender como morar na Austrália é possível, é preciso ter em mente quais são os seus objetivos e expectativas. Somente assim você conseguirá escolher o tipo de visto que precisará solicitar para permanecer legalmente por lá.

No artigo de hoje, você confere como morar na Austrália pode ser uma experiência única e qual é o melhor jeito de organizar a viagem.

Continue a leitura!

O que é necessário para morar na Austrália?

Vistos de estudante, trabalho e outros podem ser sua porta de entrada para morar na Austrália. Foto:  Joey Csunyo on Unsplash

Para saber como morar na Austrália, em primeiro lugar, você precisa entender quais são as possibilidades de entrar e permanecer legalmente no país.

E se você não tem nenhum familiar australiano, a melhor opção é investir em um intercâmbio, que vai permitir conciliar estudo e trabalho. Essa é, sem dúvida, a melhor forma de viver essa experiência na Oceania!

E para ser um intercambista no país, você precisará de um visto. Sem isso, nada feito!

Veja, abaixo, as opções de vistos para morar na Austrália:

Visto de estudante

O chamado Student Visa, conhecido pela maioria das pessoas como visto de estudante, é a opção mais comum e procurada pela maioria dos brasileiros que sonham em tentar a vida na Austrália. Diferentemente do que muitos imaginam, esse visto não é somente para jovens. Aliás, é muito comum que pessoas com mais de 30 anos busquem  essa permissão.

O visto de estudante é indicado para quem deseja realizar um curso de idiomas ou em alguma área específica e dá o direito de o intercambista trabalhar durante algumas horas semanais.

Ou seja, é ótimo, pois, com o trabalho, a pessoa consegue pagar o curso, a acomodação e aproveitar a vida australiana. A regra permite trabalhar até 40 horas quinzenais durante o período das aulas.

Além disso, quando você escolhe morar na Austrália com esse visto, você ganha o direito a um período de férias de quatro semanas, que pode ser utilizado ao final do curso. O lado bom é, que durante as férias, você pode trabalhar sem limite de horas e, claro, aproveitar para desbravar o país.

Leia também: Work and Holiday: Austrália assina acordo e Brasil entra no programa

Como morar na Austrália com visto de estudante?

Para morar na Austrália como estudante, é preciso comprovação financeira. Foto: City of Gold Coast on Unsplash

Para conseguir o visto de estudante, é preciso apresentar a matrícula no curso, comprovação de recursos financeiros (para permanência no país, você precisa comprovar que tem, ao menos, AU$ 20.290 anual, sem contar o valor do custo e passagem de ida e volta).

Outros documentos exigidos:

  • Documento de identidade;
  • Carta de intenção;
  • Formulários obrigatórios.

Para comprovar os recursos financeiros, é necessário apresentar diferentes documentos, como extratos bancários, holerites, extratos de poupança e, até mesmo, investimentos.

Agora, vamos ver como morar na Austrália com outro tipo de visto: o visto de trabalho!

Leia também: Conheça as principais comidas típicas da Austrália

Visto de trabalho

Uma coisa é certa: na Austrália, existem diferentes oportunidades de trabalho para brasileiros, e isso é o que chama a atenção daqueles que escolhem fazer um intercâmbio no país. É possível conseguir, facilmente, trabalhos em lojas, cafés, restaurantes ou, até mesmo, como auxiliar de limpeza, babá, etc., que são vagas que oferecem um salário bem atrativo.

O visto para trabalho é uma alternativa para quem sonha morar na Austrália por mais tempo e de forma legal. Entre os vistos com permissão para trabalho, estão o Student Visa (citado acima) e o Working Holiday Visa (visto de trabalho nas férias).

Um Memorando de Entendimento (MdE) foi assinado entre Brasil e Austrália, possibilitando a emissão de visto de trabalho e férias (Work and Holiday) para brasileiros entre 18 e 30 anos de idade.

Com o acordo, agora, 500 cidadãos brasileiros entre 18 e 30 anos poderão aplicar, anualmente, para participar do programa, que dura 12 meses. Durante esse período, o participante poderá trabalhar durante todo o ano e estudar por até 4 meses. Confira como funciona o Work and Holiday na Austrália.

Visto de investimento

Mais um tipo de visto para você que quer saber como morar na Austrália: o visto de investimento. Ele faz parte do Skilled Migration Programme (Programa de Migração Qualificada), que é uma maneira de atrair pessoas com habilidades importantes para o crescimento do país.

Essa opção é voltada para empresários que tenham recursos para investir em determinados programas e áreas no país, e o visto permite que a pessoa consiga permanência temporária de até 4 anos.

Para o visto de investimento, é necessário ter menos de 45 anos, patrimônio líquido de AUD$2.250.000,00 e fazer um investimento de AUD$1.500.000,00 em uma empresa australiana com a opção de participação em ações.

Leia também: Neve na Austrália: onde encontrar o fenômeno durante o inverno

Como se preparar para morar na Austrália?

Documentação necessária para morar na Austrália é extensa. Por isso, prepare-se. Foto: Denise Jans on Unsplash

Agora que você já sabe algumas possibilidades de como morar na Austrália, é hora de saber como se planejar para a viagem de fato acontecer.

Afinal, com planejamento, é possível evitar vários imprevistos e tornar, assim, a mudança de país muito mais tranquila.

Veja algumas dicas de como se preparar para viver em território australiano:

1. Organização de toda documentação necessária

Quanto antes você começar a organizar os documentos para o pedido de visto, matrícula na escola, trâmites para uma vaga de trabalho, etc., mais fácil será resolver toda a parte burocrática da viagem.

Para facilitar, olha uma lista de documentos que, certamente, você precisará ter em mãos para morar na Austrália:

  • Passaporte válido;
  • Comprovação de renda;
  • Exames médicos (precisa verificar todos que são obrigatórios);
  • Formulários 956A e 157A (disponibilizados no site do governo australiano);
  • Comprovação de pagamento do seguro-saúde;
  • Passagens de volta e cópia das passagens de ida e volta;
  • Documentos de identificação;
  • Comprovação da estadia.

Antes de começar o seu intercâmbio no exterior, que tal começar dar um “up” no seu inglês? Saiba mais aqui!

2. Planejamento financeiro

Uma das etapas fundamentais para sair do Brasil com tudo em ordem é fazer um planejamento financeiro. Isso significa organizar, de fato, todos os gastos para realizar a mudança e, ainda, prever as futuras despesas ao chegar à Austrália.

Afinal, além de valores com visto, passaporte e burocracias no geral, é bom deixar um valor reservado para gastar com moradia, alimentação, transporte, lazer, etc.. Assim, você desembarca no país com mais tranquilidade e segurança.

Saiba como enviar dinheiro do Brasil para o exterior ou o inverso. É fácil, rápido e sem burocracia!

3. Pesquisa por moradia

Como morar na Austrália e evitar alguns perrengues? Bom, definir a cidade onde vai morar e começar a pesquisar por moradia ainda no Brasil é uma excelente maneira de evitar certas frustrações.

Para isso, claro, você precisa ter em mente se deseja morar em uma residência estudantil, por exemplo, se quer dividir um apartamento ou se prefere encontrar um lugar pequeno (e mais caro) para viver com privacidade. Hoje em dia, os grupos de Facebook são ótimos canais para pesquisar as opções disponíveis, além dos sites de imobiliárias australianas.

Leia também: Austrália é país mais seguro do mundo para as mulheres

4. Conte com uma agência

Se você não quer esquentar a cabeça com a parte burocrática da viagem e quer encontrar todas as informações que precisa sobre vistos, cursos, etc., de forma rápida e prática, conte com uma agência para auxiliar durante todo o processo.

Aqui no edublin você pode solicitar um Orçamento Fácil e as nossas agências parceiras poderão dar todo o suporte necessário sobre como morar na Austrália.

Onde morar na Austrália?

Sidney é uma das cidades favoritas entre estrangeiros que querem morar na Austrália. Foto:  Johnny Bhalla on Unsplash

Depois de saber as possibilidades legais de como morar na Austrália, um outro passo importantíssimo é escolher em qual cidade viver essa experiência. Afinal, essa decisão vai impactar outras escolhas, como a escola ou instituição, a vida profissional e, até mesmo, o custo de vida.

Veja abaixo algumas opções de cidades para morar na Austrália:

Sidney

Engana-se quem pensa que Sydney é a capital da Austrália. A capital do país é Camberra! No entanto, Sydney é considerada a segunda maior cidade australiana e é o destino mais procurado por intercambistas, fato que explica o tanto de brasileiros que vivem por lá.

Sydney é a cidade perfeita para quem adora a vida na cidade grande, mas com um diferencial: tem praias belíssimas para você fugir da agitação e dar aquela desacelerada.

Além disso, por ser uma cidade grande, há diversas opções de escolas de inglês, de cursos profissionalizantes, além de diversas atrações imperdíveis.

Gold Coast

Gold Coast é um lugar que descreve bem o sonho australiano dos brasileiros: calor, praia, sol e, claro, o surf.
Isso explica por que a economia da cidade gira em torno do turismo e os empregos mais fáceis de se conseguir são na área de hospitalidade, ou seja, hotéis, bares e restaurantes.

Quem decide trabalhar e estudar em Gold Coast, por exemplo, tem o privilégio de viver na cidade e sentir aquele clima de férias todos os dias, sabe?

Chegou a hora de comprar as passagens aéreas? Encontre as opções mais baratas!

Camberra

Como morar na Austrália sem saber, de fato, qual é a sua capital, né? Bom, Camberra é a capital do país e foi uma cidade completamente planejada, que sempre considerou como essencial a preservação de muitas áreas verdes, ganhando o apelido de bush capital, em português “capital-arbusto”.

Além disso, Camberra é considerada a única cidade australiana na Oceania com picos de montanhas ao seu redor cobertos de neve no inverno. Outro ponto positivo é ser um destino com ótimo custo-benefício e excelentes instituições de ensino.

Ainda há outras opções de cidades para morar na Austrália. São elas:

  • Brisbane;
  • Adelaide;
  • Perth;
  • Sunshine Coast;
  • Townsville;
  • Hobart;
  • Cairns;
  • Byron Bay;
  • Airlie Beach.

Quanto custa um intercâmbio na Austrália em 2024?

Valores de intercâmbio na Austrália vão de 2,3 a 18,8 reais. Foto: Loeskieboom | Dreamstime

Realizar um intercâmbio na Austrália é uma experiência emocionante e enriquecedora, mas é essencial entender os custos envolvidos para planejar sua viagem com sucesso.

1. Duração de 1 Semana

Para aqueles que desejam uma breve imersão na cultura e no idioma australiano, um intercâmbio de uma semana é uma opção. Nesse caso, o pacote de intercâmbio custa 756 dólares australianos e inclui um curso, acomodação em casa de família e material didático.

Essa opção é adequada para quem tem tempo limitado, mas deseja uma amostra da experiência de intercâmbio na Austrália.

2. Duração de 1 Mês

Se você planeja uma estadia mais longa para aprofundar seu conhecimento do idioma e mergulhar na cultura local, um intercâmbio de um mês pode ser a escolha ideal.

O pacote de intercâmbio para um mês custa 2.195 dólares australianos e inclui um curso, acomodação em casa de família e material didático. Essa opção oferece uma experiência mais completa e uma imersão mais profunda na vida na Austrália.

3. Duração de 16 Semanas

Para um compromisso mais longo, como um semestre de estudos no exterior, o pacote de intercâmbio de 16 semanas é uma excelente escolha. Esse pacote custa 5.960 dólares australianos e inclui um curso, uma semana de acomodação em casa de família, material didático e um seguro de saúde (OSHC) para 20 semanas.

Essa opção é perfeita para quem deseja mergulhar profundamente na cultura australiana e aprimorar suas habilidades no idioma.

Valor dos pacotes de intercâmbio na Austrália
Duração Valor em Dólares Australianos O que está incluso
1 semana $756 (2.394,12 reais)
  • Curso
  • Casa de família
  • Material Didático
1 mês $2,195 (6.961,15 reais)
  • Curso
  • Casa de família
  • Material Didático
16 semanas $5,960 (18.894,20 reais)
  • Curso
  • Casa de família (1 semana)
  • Material Didático
  • Seguro OSHC (20 semanas)

* considerando câmbio de 1 dólar australiano = 3,17 reais

Lembre-se de que esses são valores médios cotados com agências de intercâmbio e que os preços podem variar dependendo da cidade em que você planeja estudar, da instituição de ensino e dos serviços específicos oferecidos no pacote de intercâmbio.

Veja como solicitar um orçamento detalhado aqui.

Além disso, é importante considerar despesas adicionais, como passagens aéreas, visto de estudante e despesas pessoais durante a estadia.

Quanto custa morar na Austrália?

Custo de vida na Austrália é considerado caro. Foto: Depositphotos

Como em qualquer lugar do mundo, o custo de vida na Austrália pode variar significativamente dependendo da cidade em que você reside.

Para começar, vamos dar uma olhada nas estimativas médias de custo de vida na Austrália com base nas informações disponíveis pelo Numbeo, considerando o valor atual de 1 dólar australiano (AUD) equivalente a 3,17 reais (BRL).

Para uma família de quatro pessoas, os custos mensais estimados são de 18.818,5 dólares australianos (5.916,5 reais), sem incluir o aluguel.

Para uma pessoa solteira, os custos mensais estimados são de 5.102,3 dólares australianos (1.681,5 reais), também sem incluir o aluguel.

Alimentação e Restaurantes

Comer fora na Austrália é uma parte comum da cultura, e você encontrará uma grande variedade de opções, desde restaurantes sofisticados até redes de fast-food.

Aqui estão algumas estimativas de preços de refeições em restaurantes, com os valores em dólares australianos e entre parênteses em reais:

  • Uma refeição em um restaurante econômico custa, em média, 25,00 dólares australianos (79,25 reais).
  • Uma refeição para duas pessoas em um restaurante de categoria média, com três pratos, custa em média 120,00 dólares australianos (380,40 reais).
  • Uma McMeal no McDonald’s ou uma refeição equivalente em um restaurante de fast-food custa cerca de 15,00 dólares australianos (47,55 reais).

Compras no Mercado

Se você prefere cozinhar em casa, é importante saber o custo dos itens de mercado. Aqui estão algumas estimativas de preços de produtos comuns, com os valores em dólares australianos e entre parênteses em reais:

  • Um litro de leite regular custa em média 2,28 dólares australianos (7,22 reais)
  • Um pão branco fresco de 500g custa cerca de 3,51 dólares australianos (11,11 reais)
  • Um quilo de arroz branco custa, em média, 3,29 dólares australianos (10,44 reais)
  • Uma dúzia de ovos regulares custa cerca de 5,76 dólares australianos (18,25 reais)

Transporte e Mobilidade

A Austrália é um país vasto, e o custo de transporte pode variar dependendo de como você se locomove. Aqui estão algumas estimativas de preços relacionados ao transporte, com os valores em dólares australianos e entre parênteses em reais:

  • Uma passagem de transporte local custa, em média, 4,60 dólares australianos (14,61 reais).
  • O custo de um passe mensal de transporte público regular varia entre 100,00 e 251,00 dólares australianos (317,70 a 796,67 reais), dependendo da cidade.
  • Iniciar uma corrida de táxi com tarifa normal custa 5,00 dólares australianos (15,85 reais), com uma taxa de 2,19 dólares australianos (6,95 reais) por quilômetro.

Moradia

O custo da moradia é uma das maiores despesas na Austrália. Aqui estão algumas estimativas de preços de aluguel, com os valores em dólares australianos e entre parênteses em reais:

  • O aluguel de um apartamento de um quarto no centro da cidade custa, em média, 2.320,00 dólares australianos (7.347,00 reais) por mês.
  • Para um apartamento de um quarto fora do centro da cidade, você pode esperar pagar cerca de 1.845,63 dólares australianos (5.849,58 reais) por mês.
  • Para um apartamento de três quartos no centro da cidade, o custo médio é de 3.794,91 dólares australianos (12.028,44 reais) por mês.

Outros Custos e Considerações

Além dos custos mencionados acima, é importante lembrar que você também terá despesas com serviços públicos, como eletricidade, aquecimento, resfriamento, água e lixo.

O custo mensal desses serviços para um apartamento de 85m² é em média 331,86 dólares australianos (1.052,60 reais). Além disso, é aconselhável considerar os custos com telefonia móvel, internet, entretenimento e até mesmo educação, se você tiver filhos.

Salário na Austrália

O Salário Mínimo Nacional (National Minimum Wage) é o valor mínimo que os empregadores devem pagar aos funcionários que não são abrangidos por um acordo coletivo (registered agreement) ou por uma convenção coletiva (award). Esse salário mínimo é definido pelo Fair Work Act 2009 e é revisado anualmente.

Desde 1º de julho de 2023, o Salário Mínimo Nacional na Austrália é de $23.23 por hora ou $882.80 por semana. Isso significa que os trabalhadores que não estão cobertos por um acordo de trabalho ou convenção coletiva têm o direito de receber pelo menos essa quantia por seu trabalho.

Prepare-se para fazer seu intercâmbio na Austrália

Morar na Austrália é o sonho de muita gente e pode ser a sua realidade. Foto:  Stephen Tafra on Unsplash

Depois de conferir todas essas informações sobre como morar na Austrália, o seu desejo de embarcar para o país está ainda maior? Se a resposta for sim, o que você está esperando para fazer esse sonho se tornar realidade, hein?

Preparamos um artigo supercompleto para você se guiar e entender melhor como morar na Austrália, além de dicas de trabalho, estudo, passeios e muito mais.

Próximos passos para sua viagem

Você já entendeu mais como morar na Austrália. Agora, se a ideia é fazer intercâmbio, você pode encontrar dicas ótimas no nosso guia especial para vários países do mundo.

O edublin tem ótimas opções de ebooks sobre faculdade intercâmbio na Irlanda, cidadania europeia, cursos sobre trabalho e carreira no exterior.

Quanto custa um intercâmbio?

Não vendemos pacotes e nem somos agência,
mas podemos te colocar em contato com elas.


Avatar photo
Ana Carolina Brunelli, Formada em jornalismo pela UNIMEP. Criadora de conteúdo para redes sociais, com experiência em Diversidade & Inclusão. Esteve na Irlanda duas vezes e, desde a primeira vez no país, soube que Dublin era o seu lugar no mundo. Ama inspirar e incentivar as pessoas a viverem a incrível experiência de conhecer a Ilha Esmeralda.

Veja também

Roteiro de Intercâmbio na Irlanda por quem o viveu


Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email