Brasileiros não precisam mais de visto prévio para entrada na Irlanda

Brasileiros não precisam mais de visto prévio para entrada na Irlanda

Karina Moura

2 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

A partir desta quarta-feira (16/06), brasileiros não precisam mais de visto prévio para entrar na Irlanda. O Departamento de Justiça anunciou nesta terça-feira (15/06), o levantamento das restrições temporárias de entrada e vistos de trânsito para cidadãos da África do Sul, Brasil e outros países da América do Sul, que entraram em vigor desde 28 de janeiro de 2021.

De acordo com a Ministra da Justiça, Heather Humphreys, a mudança faz parte do Plano de Resiliência e Recuperação do Governo para viver com a Covid-19 e que foi possível porque a situação da pandemia está melhorando no país.

“À medida que a situação da pandemia continua a melhorar, tenho o prazer de assinar a Ordem que reverte, com efeito a partir de quarta-feira, 16 de junho, as restrições temporárias de entrada e visto de trânsito que foram trazidas como medida provisória necessária para ajudar a reduzir a disseminação do COVID-19 e proteger a saúde pública”, destacou Humphreys.

Os viajantes que chegarem à Irlanda devem, ainda, cumprir integralmente todas as medidas de saúde pública, exigidas por lei, incluindo o preenchimento do formulário localizador de passageiros, teste PCR negativo (72 horas antes da chegada) e quarentena em uma instalação designada pelo governo ou em casa.

O movimento para levantar as restrições de visto vem à medida que o processamento de todos os pedidos de longa permanência foram retomados. O governo ainda destaca que a situação continuará a ser revista em consulta com as autoridades competentes nas próximas semanas. Vale destacar que a Irlanda continua apoiando plenamente a política geral contra viagens não essenciais.

A informação também foi divulgada nas redes sociais do Departamento de Justiça e da Embaixada.

O que muda a partir de agora?

A partir de 16 de junho de 2021, estrangeiros com passaporte da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Guiana, Paraguai, África do Sul e Uruguai, podem viajar para a Irlanda sem solicitar um visto de entrada ou de trânsito antes da partida.

Segundo informação do departamento, na imigração, eles precisam atender as condições de entrada previstas por lei. As pessoas que não atenderem as condições, que já estiveram ilegalmente no país ou que não cumprirem os requisitos da imigração irlandesa, correm o risco da entrada no país ser recusada.

Outra novidade é que o visto de trânsito não é mais necessário para Colômbia, Equador, Peru e Suriname. Porém, nacionais desses países precisam de um visto prévio para entrar na Irlanda.

Mais informações sobre essa mudança serão adicionadas e alteradas neste e em nossos principais artigo sobre o assunto conforme as atualizações do governo.

Veja também

Tipos de vistos para Portugal: Turismo, trabalho, estudos

Karina Moura, Formada em Jornalismo e Relações Internacionais. Produtora de conteúdo digital e consultora de comunicação e marketing, atuou por muito tempo em projetos B2B, com atendimento e relacionamento ao cliente. Apaixonada por pessoas e causas que promovam a troca de experiências entre elas, hoje se prepara para o seu primeiro intercâmbio em Dublin, na Irlanda.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar