Morar em Dubai: vistos possíveis para estudar, viajar ou trabalhar no país

Morar em Dubai: vistos possíveis para estudar, viajar ou trabalhar no país

Ana Carolina Brunelli

4 semanas atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Você já imaginou como deve ser morar em Dubai? Tem curiosidade de saber como é a vida em um país tão diferente do Brasil? Se a resposta for sim, então você está no lugar certo, pois o conteúdo de hoje vai explicar como é possível viver na maior cidade dos Emirados Árabes Unidos (EAU).

Para quem não sabe, Dubai é conhecida pelos shoppings luxuosos, pela arquitetura moderna, pela agitada vida noturna, pelas largas avenidas e pelos belíssimos arranha-céus que dominam a paisagem. Aliás, é difícil encontrar alguém que não se deslumbre com eles.

Morar em Dubai: a cidade criada em 2.500 AC

Dubai tem história de mais de 2.500 anos antes de Cristo e desenvolvimento a partir de 1894. Foto: David Rodrigo / Unsplash

A cidade tem uma história bem antiga, que teve início no ano de 2.500 a.C. No entanto, ela começou a prosperar de verdade somente em 1894, sob a liderança de Al Maktoum, com a descoberta de petróleo.

Naquela época, com as leis de isenção de impostos, estrangeiros começaram a se estabelecer no local e a cidade foi se desenvolvendo de forma surpreendente. Atualmente, a produção e exportação de petróleo ainda movimentam Dubai, mas são as inúmeras empresas transnacionais estabelecidas ali que potencializam ainda mais a economia da cidade.

Tudo isso graças à Zona Franca Jebel Ali, criada no país.

Entre as vantagens que a Jafza oferece para atrair cada vez mais empresas estrangeiras, estão a isenção de impostos, liberdade total para repatriar recursos, inexistência de restrições para contratações e direito de ter 100% da propriedade do negócio.

Precisa de visto para morar em Dubai?

Agora vamos a um tema que geralmente assusta os brasileiros quando o assunto é morar em outros países: precisa de visto para morar em Dubai?

São isentos de visto para entrar em Dubai somente os cidadãos dos outros países que compõem o Conselho de Cooperação do Golfo (composto por: Barém, Koweit, Omã, Catar, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos). Pessoas de outras nacionalidades, incluindo brasileiros, precisam de um visto para visitar e morar em Dubai.

Confira agora algumas opções de vistos para morar em Dubai.

Vistos de turismo

Alguns turistas devem conseguir o visto com antecedência enquanto outros podem fazer o procedimento quando chegarem ao aeroporto. Os vistos podem ser emitidos por meio das companhias aéreas árabes, agências ou hotéis. Esse visto pode ter duração de 30 ou 90 dias e permite uma ou múltiplas entradas, dependendo do roteiro da viagem.

Porém, as regras são diferentes para cada nacionalidade. Por isso, fique de olho no site da Emirates para saber em qual tipo de visto você se encaixa.

  • Companhias aéreas: a Emirates oferece um serviço de visto que pode ser feito diretamente no site da companhia. É simples: é só acessar a área da reserva e fazer a solicitação, seguindo os passos descritos no site ou pelo e-mail [email protected]. A companhia aérea Etihad também oferece a emissão do visto. Porém, com o fim das operações no Brasil, só poderão usar esse serviço passageiros que embarcarem de outros países.
  • Hotéis: se você for embarcar para Dubai sem ser pela Emirates e Etihad, ainda assim será fácil conseguir o visto por meio do hotel onde pretende se hospedar. Só é necessário checar se o hotel escolhido oferece o serviço de emissão de visto, pois nem todos os hotéis são patrocinadores. Feito isso, basta seguir as instruções do hotel.
  • Agências de turismo: as agências também podem organizar a emissão de visto para Dubai. Nesse caso, a internet é o melhor lugar para você buscar por esse serviço e comparar preços. Mas fique atento, pois elas cobram uma taxa mais alta que os demais.

Visto de estudante

O visto de estudante tem duração máxima de um ano, com a possibilidade de renovação, e é indicado para quem pretende estudar em uma universidade ou realizar um curso nos Emirados Árabes.

Visto de trabalho

Para quem pretende morar em Dubai e trabalhar no país, ter um visto de trabalho é essencial. O mercado em Dubai está sempre aberto para receber profissionais estrangeiros qualificados. Por esse motivo, o processo para conseguir esse visto é simples se você embarcar com uma vaga de trabalho já acordada.

Por lei, para morar ou trabalhar em Dubai, você precisa ter um sponsor. Isso significa ter uma empresa ou uma pessoa que seja responsável legal por você nos EAU.

Regras para visto de trabalho

De acordo com informações obtidas no site da Embaixada Brasileira em Abu Dhabi, pelas leis dos Emirados, os empregadores têm que entregar aos candidatos uma “offer letter”, registrada no Ministério do Trabalho dos Emirados, onde sejam apresentadas todas as condições do contrato. É importante verificar se todas as condições estão detalhadas na “offer letter”, pois não é possível reclamar posteriormente.

Outra questão importante é que todos os contratados devem fazer exames médicos ao chegarem ao país, em locais credenciados pelo governo. Caso o exame de saúde acuse AIDS/HIV, tuberculose, lepra, hepatite ou sífilis, o visto é negado e se requer a saída imediata dos Emirados Árabes.

Vantagens e desvantagens de morar em Dubai!

Entre as desvantagens de morar em Dubai está o calor excessivo. Foto: Damir Babacic / Unsplash

Salários sem dedução de impostos

Essa é uma das maiores vantagens de quem deseja morar em Dubai para trabalhar. Afinal, diferentemente do Brasil, não há cobrança de impostos sobre os salários.

Segurança

A cidade sempre é destacada como uma das mais seguras do mundo, já que a sua taxa de criminalidade é quase zero.

Todos falam inglês

Em Dubai, a grande maioria das pessoas falam a língua inglesa, o que facilita muito a comunicação de estrangeiros e brasileiros que sonham em viver na cidade.

Leia também: 10 destinos imperdíveis para você visitar

Desvantagens de morar em Dubai

Custos elevados

Mesmo não havendo cobrança de impostos sobre os salários ou os imóveis em Dubai, os custos das casas e apartamentos são bem elevados.

Calor excessivo

As temperaturas em Dubai são extremamente altas durante o ano todo. E no verão o calor se intensifica ainda mais, chegando aos 50ºC, o que pode ser um problema para quem não se adapta facilmente a lugares quentes.

Adaptação

Por ser um país árabe, cuja religião islâmica é predominante, quem escolhe morar em Dubai precisa se adaptar às novas normas sociais e obedecer a uma série de regras, por exemplo, a baixa tolerância com bebidas alcoólicas, roupas curtas ou inapropriadas, etc.

Principais atrações de Dubai

Burj al Arab é um dos hotéis mais luxuosos do mundo e fica em Dubai. Foto: Roman Logov / Unsplash

Para finalizar esse conteúdo sobre como é possível morar em Dubai, vamos apresentar uma lista das principais atrações da cidade, que certamente vão deixar você com ainda mais vontade de embarcar para os Emirados.

Burj al Arab

É mundialmente considerado um dos hotéis mais luxuosos de todo o mundo, que conta com restaurantes chiquérrimos, helicópteros e um terraço surreal. É uma das atrações mais visitadas da cidade.

Burj Khalifa

A Torre do Kalifa é o maior prédio construído pelo ser humano, com 828 metros. O edifício integra um grande complexo comercial e residencial e está muito próximo das duas principais avenidas de Dubai.

Deserto de Dubai

Quem está na cidade tem a chance de andar pelo Deserto de Dubai, apreciar paisagens naturais de tirar o fôlego e viver uma experiência realmente inesquecível.

Gold Souk

O mercado do ouro também é uma das maiores atrações da cidade, que, com toda sua beleza e riqueza, conta com mais de 300 lojas. Ainda vale ressaltar que Dubai é um dos maiores representantes de ouro em escala mundial, tendo, em média, comercializado 20% do ouro em todo o mundo.

Com todas essas informações já dá para ter uma noção de como é a vida no país e de como morar em Dubai pode ser uma experiência incrível, né?

Agora é com você: bora fazer as malas e se jogar nessa aventura nos Emirados Árabes?

Veja também

Ensino superior na Irlanda: Por onde começar?

Ana Carolina Brunelli, Formada em jornalismo pela UNIMEP. Criadora de conteúdo para redes sociais, com experiência em Diversidade & Inclusão. Esteve na Irlanda duas vezes e, desde a primeira vez no país, soube que Dublin era o seu lugar no mundo. Ama inspirar e incentivar as pessoas a viverem a incrível experiência de conhecer a Ilha Esmeralda.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar