Quanto você vai pagar pelo transporte público em Dublin?

Quanto você vai pagar pelo transporte público em Dublin?

Elizabeth Gonçalves

2 anos atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

O planejamento de gastos é um dos pontos mais importantes na organização do intercâmbio. Com os elevados preços dos aluguéis em Dublin, principalmente na região central da cidade, onde a maioria das escolas e empresas está localizada, muitos estudantes optam por morar em bairros mais distantes e utilizar diariamente os meios de transporte públicos para se locomover.

Conheça todas as opções de transporte público oferecidas na capital irlandesa e descubra quanto você vai gastar para se locomover com cada uma delas.

Dublin Bus: o ônibus tradicional

Conheça o Dublin Bus, os ônibus amarelinhos que circulam pela capital da Irlanda. © Drx | Dreamstime.com

Você certamente vai ver, e muito, os inconfundíveis ônibus amarelinhos de dois andares circulando pela cidade. São mais 100 linhas de ônibus que cobrem todos os cantos de Dublin, incluindo 18 linhas noturnas (chamadas de Nitelink).

O Dublin Bus é a forma mais barata de viajar pela cidade, já que o preço máximo cobrado pela tarifa é de 3,30 euros. Sim, os valores da passagem do transporte público na capital irlandesa variam de acordo com o trajeto percorrido. Para saber o valor exato que você vai pagar, consulte a tabela no site do Dublin Bus ou se informe com o motorista.

Leia também: Dicas para o seu intercâmbio na Irlanda

Lembrando que estudante aqui tem desconto na passagem de ônibus: com o Leap Card, o cartão de estudante, carregado com 20 euros, você consegue viajar pela cidade por uma semana, quantas vezes for necessário.

Outra diferença importantíssima é a forma de pagamento. Aqui em Dublin não existe cobrador, quem recebe o pagamento é o motorista por meio de um contador de moedas. Portanto, se prepare: só serão aceitos pagamentos em moedas. Então, tenha o valor exato para não ter prejuízo ou perder a viagem.

Para consultar linhas, trajetos, paradas de ônibus perto de você e, até mesmo, acompanhar quantos minutos faltam para o ônibus chegar, o Dublin Bus tem um aplicativo para Android e Iphone. Quem tem Android, inclusive, pode fazer a recarga do Leap Card pelo próprio celular.

Ah, como nós citamos ali em cima, 18 linhas do Dublin Bus são noturnas. Porém, a tarifa e os horários de circulação são diferentes, fique atento. Os Nitelinks, cuja numeração da linha termina com a letra N, operam às sextas e sábados, entre meia noite e 4 da manhã. O preço máximo do trajeto é bem mais salgado do que as linhas diurnas: 6,60 euros.

Novas linhas e melhorias no sistema do Dublin Bus

Go Ahead é o novo serviço de ônibus em Dublin e promete menos atrasos e eficiência. Foto: E-Dublin

Go Ahead é o novo serviço de ônibus em Dublin e promete menos atrasos e eficiência. Foto: E-Dublin

Apesar de eficiente, o sistema de transporte público em Dublin não é perfeito. Atrasos e inconsistência nos painéis de horários são as principais reclamações dos usuários. No entanto, a National Transport Authority (NTA), responsável pelo transporte público na Irlanda, está sempre disposta a melhorar a qualidade do sistema. Um bom exemplo desse approach é a inclusão da rede chamada de Go-Ahead Ireland que, a princípio, contemplará nove linhas, 17, 104, 114, 161, 220, 236, 238, 239 e 270. Além disso, deve ser estendida para, pelo menos, 50 rotas pela capital Dublin.

O novo serviço tornará algumas rotas, antes problemáticas, muito mais eficientes. A exemplo de áreas como Blackrock, Maynooth e Leixlip. Apesar de ter entrado em vigor oficialmente no dia 20 de janeiro de 2019, o serviço já estava em teste desde setembro de 2018. Para os usuários, nada muda, já que as tarifas são as mesmas do Dublin Bus, assim como o uso do Leap Card, Free Travel Pass, Dublin Bus Rambler tickets e TaxSaver tickets, todos aceitos nas rotas operadas pela Go Ahead Ireland.

Luas: o “bondinho” da capital irlandesa

Conheça e saiba quanto você vai pagar para utilizar o Luas, o trem de baixa velocidade da capital irlandesa. © Aguina | Dreamstime.com

Uma espécie de trem urbano de baixa velocidade, parecidíssimo com o VLT (Veículo Leve Sob Trilhos), para quem já visitou o Rio de Janeiro, os trilhos do Luas riscam a cidade em duas linhas diferentes.

A Linha Vermelha vai de Tallaght / Saggart até a Connolly Station / The Point. Já a Linha Verde liga Bridges Glen / Sandyford até o Parque St. Stephens Green. A Linha Cross City, continuação da Linha Verde, vai até Broombridge, no norte da cidade.

Falando sobre valores, a tarifa mais alta cobrada pelo Luas é de 2,40 euros e cobre a partir de 5 Zonas percorridas. O preço mínimo, referente a uma Zona, é de 1,54 euros. Lembrando sempre que o Leap Card é seu amigo. Com 30 euros semanais você usa os 3 diferentes transportes públicos (Dublin Bus, Luas e Dart) o quanto quiser ou precisar.

Dart: o trem que liga o norte ao sul de Dublin

Saiba como funciona do Dart, o transporte férreo em Dublin. © Clement Mantion Pierre Olivier | Dreamstime.com

Dart é o nome dado ao trem tradicional, igual ao que estamos acostumados nas maiores metrópoles brasileiras. A linha férrea percorre a costa de Dublin, ligando Malahide / Howth, o sul de Dublin, até Bray / Greystones, no Condado de Wicklow. Administrado pelo Irish Rail, esse é o transporte mais caro da cidade, no qual o valor máximo que você vai pagar é de 4,90 euros. Esse preço equivale a 6 Zonas percorridas.

Saiba mais sobre como economizar com o Leap Card

O Leap Card  é um cartão pré-pago, uma espécie de Bilhete Único local. Quando se fala na tarifa de transporte público em Dublin, vale primeiro considerar que o sistema de cobrança é diferente do Brasil, onde as tarifas têm preço único, independentemente do itinerário. Por aqui, esse valor varia de acordo com a distância viajada.

Para facilitar a cobrança, os itinerários dos ônibus, Luas e Dart (trens metropolitanos) são divididos em zonas. Assim, quanto menor o número de regiões, menor o valor da tarifa paga pelo passageiro.

Em Dublin as tarifas sofrem aumento todo final de ano. Adquirir um Leap Card é bem vantajoso, já que, além de ele oferecer descontos nas tarifas de transporte, evita o inconveniente de ter que andar sempre com moedas no valor exato da condução, já que os ônibus da cidade não aceitam cédulas e também não dão o troco na hora.

A boa notícia é que os estudantes que são usuários frequentes do transporte da cidade conseguem economizar ainda mais.

Foto: Luas.ie

Leap Card para estudantes possui tarifas ainda mais baixas. Foto: Luas.ie

Tanto os ônibus quanto o Luas e o Dart possuem pacotes semanais e mensais disponíveis para os passageiros. Além do preço bem mais baixo ainda há a vantagem de poder fazer viagens ilimitadas.

Para adquirir o Rambler (um pacote pré-pago de passagens) é necessário possuir um Leap Card e se dirigir a um ponto de recarga do bilhete. Não se esqueça de especificar para o atendente que você quer o serviço. Caso contrário, seu cartão será recarregado apenas para viagens individuais.

Para saber como adquirir o Student Leap Card, clique aqui.

Veja também

Como comprar um carro na Irlanda?

Elizabeth Gonçalves, Jornalista viciada em cinema, música e literatura. Paulistana, se apaixonou por Dublin, onde mora há cinco anos e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar